Postagens

Mostrando postagens de Setembro 12, 2010

memória 3: Wesley Duke Lee 'A verdade não pode ser dita, só revelada'.

Imagem
foto de Otto Stupakoff/Arquivo Lydia Chamis

O artista plástico Wesley Duke Lee faleceu às 23h do último domingo (12), aos 78 anos, vítima de broncoaspiração e parada cardíaca, no Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo. Ele sofria há três anos do Mal de Alzheimer, e deu entrada no hospital depois de passar mal durante a noite. Pintor e desenhista, Wesley iniciou sua formação no curso de desenho livre do MASP, em 1951. Estudou nos Estados Unidos, viveu em Paris e voltou à São Paulo em 1963 para organizar grandes "happenings" junto de Bernardo Cid, Otto Stupakoff e Pedro Manuel Gismondi, entre outros nomes. Em 1966, participou da fundação do Grupo Rex, ao lado de Geraldo de Barros e Nelson Leirner. Ousado, ele se ofereceu como voluntário para testar os efeitos do LSD numa clínica, em 1964. Das experiências lisérgicas saíram duas de suas séries mais carregadas de reflexões políticas. fotos de Wesley Duke Lee (acima e abaixo)
Wesley Duke Lee (São Paulo, 21 de dezembro de 19…